19 de set de 2011

CEARÁ MUSIC 2011 terá apenas formato eletrônico

O Ceará Music não é mais aquele. A constatação veio não sem certa decepção. Na última quarta-feira, durante entrevista coletiva na sede da D&E Entretenimento, os organizadores do evento anunciaram um Ceará Music nada convencional: nesta edição ele se chama FW Eletronics 3D Mapping Mythology, uma festa eletrônica no Mucuripe Club, somente no dia 5 de novembro. A iniciativa de mudança dos formatos, na verdade, reduz o festival, mas amplia um de seus ambientes, o FW Eletronics, criado na edição de 2005.

Espaços

As consideráveis mudanças não significam, no entanto, que não será um grande evento. De fato, a organização investiu em tecnologias de ponta para proporcionar ao público uma festa eletrônica de grande porte. Primeiro, a estrutura: serão oito ambientes com dois camarotes, todos baseados em mitologia grega.

Os cenários e os nomes dos espaços levam elementos que remetem a deuses, semideuses e ninfas. Os mitos reforçam a proposta da festa de confundir imaginação e realidade. Para elaborar o conceito, a organização contou com a colaboração de Peregrina Capelo, professora doutora do departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Ceará e coordenadora do laboratório de Antropologia e Imagem.

Os ambientes são: Zeus Stage (camarote Premium), Afrodite Zone Burn (Camarote), Poseidon Square (pista), Parthenon Center, Lounge de Apolo (espaço de patrocinadores, relax e alimentação), Olympus (palcos), Hercules House (Burn) e Orfeu Sound (Seven).

Atrações

Entre os nomes que vão compor a line up do FW Eletronics, dois deles se destacam: Snoop Dogg, veterano rapper norte-americano reconhecido por parcerias com artistas como Justin Timberlake e Katy Perry; e Gorillaz Sound System, extensão da banda animada criada em1998, por Jamie Hewllet e Damon Albarn.

Aqui, no entanto, cabe um asterisco: quem acha que vai encontrar Damon Albarn, líder do Blur e criador do Gorillaz, nos palcos do Ceará Music, tocando com seus parceiros, está muito enganado. O que vem para o evento é o projeto eletrônico vinculado à banda virtual. O Sound System é, na verdade, uma versão para as pistas do Gorillaz, composta por um DJ, um baterista, um percussionista e um diretor visual.

Além deles, as atrações DJs e coletivos, nacionais e estrangeiros, mais conhecidos pelo público fiel à eletrônica. São eles: Robbie Rivera, um dos maiores nomes mundiais da House; Felguk, formado por Felipe Lozinsky (Fel) e Gustavo Rozenthal (Guk), que assinam remixes oficiais de Madonna, Black Eyed Peas e David Guetta; o DJ Louis Osbourne, filho mais velho de Ozzy Osbourne; e Leeroy Thornhill, ex-integrante da banda de show do ícone do techno The Prodigy. Complementam a festa ainda diversas atrações como Pedro Garcia, House of Jazz, Bruno Barudi, Paulo Boghosian e o cearense Kadu Justa.

Tecnologia

Agora, uma novidade realmente impactante nessa edição, com certeza, é a tecnologia empregada para subverter os cenários do Mucuripe Club: o 3D Mapping.

A técnica de projeção em três dimensões não necessita de tela ou de óculos especial para ser observada. Para executá-la, o VJ estuda o espaço e trabalha uma sequência de imagens personalizadas sobre ele, a partir da estrutura pré-existente. A sensação é de que os prédios ou palcos ganham vida (Veja no conteúdo extra do QR Code exemplos de projeções).

O responsável por trazer essa tecnologia para o Ceará Music é o VJ Spetto, integrante do grupo United VJs, que já elaboraram projeções para diversos espaços, incluindo Budapeste, La Paz, Londres, Berlim, Buenos Aires, Transilvânia, Colômbia e em São Paulo, durante o evento "A Hora do Planeta".

"As pessoas, quando vão para as festas, querem transcender. É isso que o vídeo proporciona. Esse é o grande barato do 3D Mapping; é mexer com o real, permitir uma realidade alternativa", explica VJ Spetto, que há 20 anos trabalha com performance visual e manipulação de imagens.

Perspectiva

Durante a coletiva, o empresário Pedro Coelho Neto, membro da comissão organizadora, justificou a promoção do evento em apenas um dia considerando uma "tendência mundial". "Atualmente, ao invés de festivais de vários dias, muitos eventos estão sendo fragmentados em festas ao longo do ano. Isso é uma tendência e foi a forma pela qual decidimos inovar neste ano", explicou.

Pedro Neto não negou que estivessem em negociação com várias bandas, como Kings of Leon e Green Day, especulações surgidas nas redes sociais. Segundo ele, há algumas edições os eventos vêm sendo planejados ao longo de dois anos, estratégia de fato comprovada na coletiva, já que os membros da organização não perdiam a oportunidade de dizer que 2012 estava bastante adiantado - e 2011 ficou ainda mais com um gostinho de festa para não passar em brancas nuvens.

A partir de amanhã devem ser divulgados o preços dos ingressos e o início da venda dos primeiros lotes. A expectativa de público é de 10 mil pessoas no FW Eletronics 3D Mapping Mythology by Ceará Music.

Line up por ambiente

OLYMPUS

Donadel & Lelis Sax
Sevenprojec´7
Yves Larock
Robbie Rivera
Gorillaz Sound System
Snoop Dogg
Felguk

ZEUS STAGE

Pedro Garcia
House of Jazz (Pacha Brasil)
Gabriel Rocha. Aka DJ PP - URU
Bruno Barudi - SC
Paulo Boghosian - SP
Kadu Justa - CE

HERCULES HOUSE

Ajperez - SSA
DJ Anna - (D-EDGE/MODULAR)
Louis Osboune - USA
Renato Cohen - SP
Leeroy Thornhill (ex-The Prodigy)
Diego Grecchi - CE

ORFEU SOUND

Jorge Quintal
Malloy
Dfiuza

MAIS INFORMAÇÕES

Ceará Music FW Eletronic 3D Mapping Mythology. Dia 05 de novembro, no Mucuripe Club. Vendas não iniciadas. Contato: (85) 3052.9900

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário